25 quilômetros de espetáculo natural: é o que a ilha mais famosa do Brasil nos reserva. Localizada no município de Paranaguá, a Ilha do Mel é um dos destinos favoritos dos amantes da natureza.

Sua história e preservação agradam os ouvidos de quem se encanta facilmente com as dádivas do meio ambiente. Um passeio que garante aventura e sossego simultâneos — poderosas fontes de energia para o corpo e a mente.

Se você sabe muito pouco ou nada sobre esse destino incrível, calma! A Fully vai te apresentar* as curiosidades e tudo o que você precisa saber sobre a Ilha do Mel. Confira!

*Alerta: risco de querer arrumar as malas terminando essa leitura.

Ilha do mel: estrutura de preservação

A Ilha do Mel é bastante conhecida pela sua alta preservação ambiental. Isso porque somente 10% de seu território está disponível para visitação do público. O restante é todo preservado visando a manutenção do território.

O máximo de visitantes por dia é de 5 mil pessoas, exatamente pelo intuito de proteção ao local. Para chegar até lá, é feita uma travessia de meia hora, saindo de Pontal do Sul.

Localizada a 120 km de Curitiba, a ilha passa por constantes melhorias em toda a sua estrutura. Como as paisagens exóticas e rústicas passaram a atrair mais e mais visitantes, a infraestrutura começou a se voltar para o turismo.

Consequentemente, a qualidade dos serviços ali oferecidos também evoluíram. Logo, restaurantes e pousadas aprimoraram de acordo com a alta demanda.

A divisão em vilarejos

A ilha é basicamente dividida em 5 vilarejos. São eles:

  • Encantadas: localizada no lado sul da ilha, abriga o maior patrimônio cultural de Ilha do Mel — a Gruta das Encantadas. Uma passarela leva até sua entrada, proporcionando um ar ainda mais especial. A noite a diversão é garantida por forrós e bares.
  • Farol: o Farol das Conchas está localizado no alto do Morro da Concha. Dali, é possível avistar quase toda a extensão da Ilha do Mel. A região é pouquíssima habitada, por tanto é um lugar bastante tranquilo, adorado pelos surfistas para excelentes ondas.
  • Brasília: aqui temos uma das principais vilas da Ilha. O local é todo destinado aos turistas, pois conta com pousadas incríveis e restaurantes deliciosos, além de uma vida noturna mais agitada. Além disso, é por ali que seguimos rumo ao Farol e à Fortaleza.
  • Praia Grande: se o Farol já tem uma população bem pequenina, espante-se em saber que a da região de Praia Grande é menor ainda. Consequentemente, sua infraestrutura é menos desenvolvida — mas ainda assim conta com pousadas, bares e restaurantes. Aqui é um dos melhores locais para surfe, com uma grande extensão de praia.
  • Fortaleza: a Fortaleza de Nossa Sra. dos Prazeres leva esse nome pois seu complexo é formado pelo Forte de N. S. dos Prazeres. Ela é dividida em Fortaleza Norte e Fortaleza Sul, com uma população pequena e poucos atrativos no quesito comercial. No entanto, ela está bem próxima a Baía dos Golfinhos, repleta de cardumes de botos.

Dicas de viagem: Ilha do Mel

Como mencionamos, a Ilha do Mel é bastante preservada e o plano é que siga assim. Portanto, nem sempre você vai encontrar tudo o que pode vir a precisar. Então anote dicas importantes que você precisará em sua viagem à Ilha do Mel.

Em primeiro lugar, leve remédios para casos aos quais já está acostumado. Não há farmácias na Ilha do Mel!

Dinheiro em espécie também é importante, pois a cidade não conta com infraestrutura de bancos ou caixas eletrônicos.

Por fim, lembre-se sempre de respeitar a natureza em todos os aspectos. Portanto, recolha seu lixo, não alimente os animais, não desperdice água. Além disso, respeite o mar. Tome cuidado com as correntezas e com os locais que apresentam mais rochas e pedras.

No mais, essa é uma trip bem tranquila e, como mencionamos no começo, propícia para curtir ao máximo o contato com a natureza.

Mais um destino para adicionar à sua lista de desejos

Deu para sentir um pouquinho do que a Ilha do Mel reserva para seus turistas, né?! Esse é, com certeza, mais um destino para adicionar à sua lista de desejos.

Acesse o site da Fully Viagens e confira as próximas saídas para a Ilha. Vem com a Fully!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *