o que fazer em sao roque

A cidade de São Roque, conhecida também como “A Terra do Vinho”, está localizada a apenas 66 km da capital de São Paulo, sendo um destino bastante procurado pelos paulistanos na temporada de inverno.

Fundada em 1657, a cidadezinha do interior carrega muitas tradições italianas e portuguesas, então já podemos esperar uma gastronomia incrível. Além disso, como está próxima da capital Paulista, é o destino ideal para uma viagem de bate e volta com a família, amigos ou a dois!

“O que mais posso fazer em São Roque? Somente apreciar vinhos?” Aí é que está, São Roque pode se tornar uma cidade surpreendente pela quantidade de atrações disponíveis para todas as idades. Continue a leitura e confira com a Fully!

Atrações mais conhecidas de São Roque

Além das dezenas de vinícolas onde você pode degustar os produtos locais à vontade, São Roque conta com diversão garantida também para as crianças. Um bom exemplo é o Ski Mountain Park.

O parque está em uma das belas montanhas da cidade, cercado de mata atlântica nativa. O Ski Mountain Park oferece aos visitantes a oportunidade de desfrutar dos prazeres de um paraíso ecológico, além da linda vista panorâmica de São Roque.

Conta também com mais de 10 atrações que funcionam tanto no verão quanto no inverno: arvorismo, paintball, playground, passeio a cavalo, teleférico e a famosa pista de esqui e snowboard.

Para os amantes da gastronomia, o local não deixa nada a desejar com inúmeras opções de influências portuguesas e italianas de dar água na boca.

Em um passeio de um dia é possível conhecer todos estes atrativos que a cidade tem a oferecer, sendo uma ótima opção para quem quer se divertir em um roteiro diferente no final de semana, por exemplo. Legal, né?

Leia também: Viagem bate e volta: vale a pena?

Viaje para São Roque com a Fully Viagens


Se quiser desfrutar das diversas atrações que a Cidade do Vinho tem a oferecer, acesse o site da Fully e encontre o seu pacote para São Roque. Já estamos ansiosos por esse bate e volta!

porque ir para paraty

Paraty é uma  do Rio de Janeiro, localizada a apenas 275 km de distância de São Paulo, e que encanta a todos que a visitam com a sua energia contagiante (principalmente aos gringos).

Mas cá entre nós, não esperávamos menos de uma cidade que abriga tudo que buscamos em um só lugar: histórias, aventuras, natureza, comida boa, pessoas incríveis e, claro, praias!

Quer conhecer um pouquinho mais sobre a história de Paraty e o que você pode encontrar por lá? Continue a leitura e a Fully vai te mostrar. Mas já vamos logo avisando que, ao final desse texto, você estará adicionando Paraty no topo da lista de destinos para visitar!

Quando tudo ainda era barro…

Brincadeiras à parte, Paraty foi fundada em 1667, ao redor da Igreja de Nossa Senhora dos Remédios, e sempre foi uma cidade encantadora por estar à beira-mar.

Como Paraty contava com mais de 250 engenhos de cana-de-açúcar,  foi considerada durante muito tempo uma cidade fundamental para a movimentação da economia. Foi então que construíram, na década de 70, a Rodovia Rio-Santos, tornando a cidade pólo nacional e internacional para turismo.

O que você pode encontrar em Paraty

Com inúmeros passeios e cenários paradisíacos, a cidade recebe milhares de visitantes todos os meses.

Lá, é possível relaxar e curtir lindas praias, aproveitar a gastronomia única e apreciar a famosa arquitetura que a cidade oferece percorrendo o chamado Circuito Caminho de Ouro.

No passeio de barco pela Baía de Paraty, além das inúmeras praias, é possível mergulhar com peixes, o que é a principal atração da cidade. As águas transparentes da região tornam o passeio deslumbrante, pois mesmo de cima da embarcação, você consegue ver centenas de peixes.

Já durante a noite, o Centro Histórico oferece opções para todos os gostos. Você encontra agitação nos barzinhos que contam com música ao vivo ou pode deliciar-se em um restaurante romântico com sua companhia.

O local também possui uma feirinha, onde é possível provar vários lanches, doces e comidas típicas da região. Por essas e outras, seu lindo cenário já foi palco para gravação de novelas como “A lei do Amor” e “Paraíso Tropical”.

Não poderíamos deixar de lado o passeio até a Praia de Trindade, uma linda vila formada por pescadores que, pela dificuldade de acesso, continua intocada pela mão do homem. Com uma natureza exuberante e águas cristalinas, é lá que se localiza a famosa Piscina Natural do Cachadaço. Incrível, né?!

Leia também: Búzios, Capitólio e Paraty: um bate e volta a vale a pena?

Já arrumou as malas? Vem conhecer Paraty com a Fully!

A Fully sempre visita Paraty e acredite, em todas as viagens voltamos com aquele gostinho de quero mais.

Quer viver essa experiência? Na Fully Viagens você encontra pacotes para Paraty, o que pode ser uma excelente opção para quem deseja unir uma viagem à natureza com economia e despreocupação. Acesse o nosso site e partiu!

3 destinos para viajar no dia dos namorados

Se viajar já é bom, imagina celebrar o Dia dos Namorados ao lado da pessoa que amamos em um destino incrível?

É verdade que quando estamos amando, qualquer lugar se torna romântico. Porém, celebrar essa data em um destino especial pode proporcionar momentos ainda mais inesquecíveis.

E para estimular ainda mais esse gatilho em você, tem convite melhor do que um dia 12 de Junho de 2021 cair no domingo? O universo está a favor do amor!

Para te ajudar nessa missão cupido, a Fully trouxe três sugestões de destinos que fazem muito sucesso quando o assunto é viajar no Dia dos Namorados. Continue a leitura e confira!

O queridinho dos casais: Campos do Jordão

Quartos com lareira, passeios românticos, comidas gostosas, chocolates de diversos gostos, cerveja, ecoturismo… E para completar, um casal apaixonado!

Campos do Jordão está no topo da lista entre os destinos mais cobiçados pelos casais. Afinal, quem resiste ao clima ameno e aconchegante que o município mais alto do Brasil possui?

Isso sem contar a arquitetura inspiradora que Campos do Jordão possui, sendo considerada uma “Suiça Brasileira”. viajar no Dia dos Namorados para Campos é uma ótima alternativa!

Leia também: Dicas para aproveitar Campos do Jordão

Aprecie as diversas atrações de Curitiba com seu amor

A capital paranaense é conhecida pelos passeios turísticos e lugares históricos disponíveis para visitação. Entre elas, podemos destacar as que são parada obrigatória para você e seu par. 

Vamos começar com o famosíssimo Jardim Botânico, considerado um dos mais bonitos do Brasil e que abriga muitas espécies da Mata Atlântica. É contato com a natureza que vocês querem @? E não podemos deixar de lado os jardins geométricos, ideais para uma declaração de amor!

Aproveite para visitar a Vinícola Durigan, a Ópera de Arame e a Casa de Chocolate Florybal. Parece até clichê, mas quem não ama receber chocolates no Dia dos Namorados?

E claro, não poderia faltar a pausa para o almoço. Aposte no Bairro Italiano de Santa Felicidade, um lugar com restaurantes para todos os gostos!

Hotel Fazenda Villa Verde: um dia dos namorados repleto de natureza

É claro que a Fully, exercendo o seu papel de cupido com maestria, não deixaria essa data tão importante de lado, não é mesmo?!

Por isso, fizemos parceria com o Hotel Fazenda Villa Verde, em busca de oferecer o melhor Dia dos Namorados para você e o seu par.

O hotel possui diversos atrativos como piscina externa, piscina coberta, fazendinha, salão de jogos, quadra, playground, e claro, um restaurante que oferecerá um jantar romântico mais do que especial!

Spoiler: juntos com o Hotel Villa Verde vamos preparar uma Noite Romântica para você e seu amor.

Quer viajar no Dia dos Namorados? Vem de Fully

Agora que você já conhece três destinos incríveis para viajar no Dia dos Namorados, a melhor notícia é: você pode viajar para Curitiba e para o Hotel Fazenda Villa Verde com a Fully!

Acesse o nosso site e viva essa experiência incrível com o seu par. Vem de Fully!

Para você que não conhece ou apenas ouviu falar, saiba que Monte Verde é um prato cheio não só para os casais apaixonados, mas também para os aventureiros. 

Além de restaurantes e chalés aconchegantes, o vilarejo conta com diversas opções de trilhas, que vão do nível iniciante ao avançado — quase todas dentro da Serra da Mantiqueira.

Por isso, a Fully fez uma lista com os principais pontos turísticos de Monte Verde, a cidadezinha mineira cheia de encantos. Confere com a gente!

Trilha do Pinheiro Velho

Se você adora trilhas, mas não se considera um Bear Grylls, a melhor opção é a Trilha do Pinheiro Velho.

Você pode chegar lá usando um dos 5 pontos de partida espalhados pelo centro do distrito. O principal deles é em frente à fábrica de chocolates Gressoney.

Partindo de lá, você vai andar uns 200 metros até encontrar Pinheiro Velho, uma araucária de cerca de 500 anos e aproximadamente 1,70m de diâmetro.

Chapéu do Bispo e Platô

Agora, se você busca uma trilha mais longa e uma vista de tirar o fôlego, vá até a Av. das Montanhas.

Lá, você chegará ao estacionamento e ao portal que marca o início das trilhas da Pedra Redonda e Pedra Partida (falaremos delas em seguida).

Um pouco antes do portal, há uma entradinha sinalizada com placas que indicam o trajeto para o Chapéu do Bispo e Platô. Ambas são trilhas de fácil acesso.

O Chapéu do Bispo recebeu seu nome porque o ponto final é uma pedra que lembra o chapéu que bispos usam (COMO ALGUÉM PODERIA IMAGINAR?). O caminho tem cerca de 700 metros e pode ser percorrido tranquilamente em uma hora.

Chegar à pedra é bem simples, mas, para ir até o topo, é necessário ter habilidade e força suficiente para escalar. 

Um pouco à frente do Chapéu do Bispo, encontra-se o Platô.

O Platô é uma grande rocha plana onde você será capaz de ver toda a região de cima. Dá pra ver até São José dos Campos lá do alto! 

Pedra Redonda e Pedra Partida

Pedra Redonda é uma das trilhas mais bonitas de Monte Verde, mesmo estando a apenas 1990m de altitude (outros pontos chegam a mais de 2000m).

Chegar ao topo dela exige um pouco mais de esforço, já que a subida possui alguns trechos mais íngremes. Porém, a vista de cima é algo que, com certeza, você vai querer ter na sua caixinha de lembranças.

A mesma trilha que leva à Pedra Redonda também leva à Pedra Partida

No entanto, a Pedra Partida proporciona uma vista a 2050 metros de altura. O trajeto é mais longo, mas as subidas são mais fáceis. Do cume dá para ver até mesmo a região de Campos do Jordão.

Aventure-se e aproveite um bom fondue em Monte Verde

Depois daquela boa dose de aventura durante o dia, a cidade com certeza vai te conquistar com seus restaurantes e arquitetura europeia à noite.

São diversas opções de bares, cafés e experiências gastronômicas deliciosas, que fazem os principais pontos turísticos de Monte Verde a união perfeita entre o contato com a natureza e o clima perfeito para uma viagem romântica. Fique de olho nos próximos pacotes da Fully Viagens. Quem sabe você não decide se aventurar por lá na sua próxima trip? <3

Você, que morre de vontade de conhecer ou já é turista apaixonado por Búzios, RJ, com certeza já ouviu falar na Rua das Pedras em Búzios, certo? Sendo o principal ponto turístico da cidade, a ruela está recheada de atrativos!

São lojas, bares, restaurantes — a maior variedade para seus visitantes.

A Rua das Pedras, em si, tem uma pequena extensão de 600 metros, dedicada exclusivamente aos pedestres. No entanto, é uma referência turística tão grande que as outras ruas ao seu redor têm o mesmo dom de encantar os turistas. 

Ao seguir pela margem da Praia da Armação, logo podemos avistar uma grande quantidade de barcos e escunas de passeios pelas praias: ali é considerado o ponto de partida destes.

A Orla Bardot — uma importante atração da Rua das Pedras

A Rua das Pedras é ligada à Orla Bardot. O nome é uma homenagem à francesa Brigitte Bardot, que passou uma temporada em Búzios tentando escapar da atenção da imprensa e ter um pouco de paz em algum lugar sossegado com seu namorado e amigos.

Quando chegou ao Brasil, em 1964, era destaque nos holofotes por estar de férias no Rio de Janeiro. Em Búzios, encontrou o refúgio que procurava. Afinal, ali havia a paz de um vilarejo frequentado e habitado somente por pescadores locais.

No entanto, depois do período que a atriz francesa esteve na cidade, Búzios é quem ganhou a atenção de milhares de pessoas e tornou-se mundialmente conhecida.

Além do nome em comum, na orla Brigitte Bardot também foi erguida uma estátua em homenagem a atriz francesa, retratando o momento em que ela relaxava e a maneira como estava vestida enquanto era fotografada nesse paraíso.  

O desenvolvimento de uma cidade em torno de uma rua

Como mencionamos, desde a visita da atriz Brigitte Bardot, Búzios nunca mais foi vista com os mesmos olhos. Os interessados em investir na cidade como um todo começaram a aparecer. 

E, como a casa onde a atriz ficou estava localizada de frente à Rua das Pedras, o maior desenvolvimento da cidade aconteceu ao redor dessa rua. 

As ruas paralelas e transversais seguem o mesmo clima, o que torna possível encontrar muitas outras lojas e comércios por lá. Para quem gosta de pechinchar preços, vale dar uma boa caminhada para conhecer outros pontos da região e consumir preços mais acessíveis.

Os principais bares, baladas, comércios e investimentos estão localizados na Rua das Pedras. Além disso, patrimônios históricos como a Colônia dos Pescadores, que mantém viva a origem de Búzios desde a época onde o principal atrativo eram os serviços de pesca.

Encante-se com cada atrativo da Rua das Pedras

Como vimos, não é à toa que a Rua das Pedras é um dos principais atrativos de Búzios, RJ. Rica em parte cultural, histórica e comercial, os turistas que vão até à cidade não podem perder esse passeio de maneira nenhuma. 

Portanto, garanta já o seu pacote para Búzios com a Fully Viagens e encante-se por cada pedacinho de uma das ruas mais famosas do Rio de Janeiro.

Não é novidade que a bela cidade de Campos do Jordão é a queridinha dos paulistanos para apreciar o frio do nosso país, né?!

O ambiente assemelha-se ao europeu com construções típicas e até um apelo romântico, o que faz o destino ser mais procurado por casais.  Porém, não se deixe enganar: Campos do Jordão é ideal para qualquer visitante diante de suas atrações infinitas!

Quer conhecer um pouco mais sobre essa “Suíça Brasileira” e anotar todas as atrações que você não pode perder em um bate e volta em Campos do Jordão? Confira todas as dicas que a Fully preparou para você!

O movimento da cidade durante o ano

Por mais que a cidade seja fortemente escolhida como destino preferido no Inverno, tenha certeza que em todas as épocas no ano é possível encontrar uma grande quantidade de turistas passeando e explorando o que Campos tem de melhor.

O que é válido ressaltar é que, por ser muito mais procurada e cheia no Inverno, os preços dos comércios locais tendem a ser um pouco mais altos nos meses de Junho, Julho e Agosto, do que o restante do ano.

Portanto, para quem procura mais sossego e preços mais acessíveis, é só embarcar nessa viagem em uma estação diferente. Afinal, a cidade permanece incrível e vale a visita em qualquer época! 🙂 

Mas o que fazer em uma excursão para Campos do Jordão? Se liga só nessas dicas:

Dicas sobre que fazer em um bate e volta para Campos do Jordão

Listamos atrativos imperdíveis para você conhecer no seu bate e volta a Campos do Jordão:

O famoso teleférico no Morro do Elefante

Para os amantes da natureza, este passeio é parada obrigatória: o famoso teleférico, construído na década de 70, leva do Centro da Cidade ao Morro do Elefante, que possui um incrível mirante com vista panorâmica da cidade toda.

Você deve estar se perguntando sobre a origem deste nome, certo? Observando de longe, é possível enxergar o contorno semelhante ao de um elefante na montanha. Demais, né?!

Para conhecer a cidade, faça um City Tour

O City Tour, feito com veículo, explora o principal da região passando por cenários panorâmicos, hotéis tradicionais, casas de famosos, construções milionárias e ainda faz uma parada na Cachoeira Ducha de Prata.

Esse passeio é ideal para quem quer de conhecer pedacinhos importantes e curiosidades da cidade, prestigiando ao final a linda paisagem da cachoeira, para fechar o passeio com chave de ouro!

Comprinhas na feira do artesanato

Claro que, para todos os lugares que visitamos, não podemos esquecer as lembrancinhas dos familiares, não é mesmo?!

Por isso, a Feira do Artesanato é o lugar ideal para comprar os mimos, com diversas lojas de produtos locais feitos à mão e preços bem interessantes.

A Orquestra Sinfônica Municipal nos Invernos

Todos os anos durante o inverno, a Orquestra Sinfônica Municipal faz apresentações na praça central de Campos do Jordão, atraindo muitos turistas com o grande espetáculo. Vale muito a pena apreciar esse momento!

O tradicional chocolate quente da Montanhês

Ir para Campos do Jordão e experimentar o chocolate quente da Montanhês é de lei. O ambiente frio favorece muito essa degustação, mas o mérito fica inteiramente para a forma como é produzido, deixando uma textura e sabor sem igual!

Comidas variadas e restaurantes elegantes

Além do chocolate quente, a cidade é repleta de restaurantes elegantes com culinárias europeias, como por exemplo, a suíça (fondues, raclete, crepe e chocolates quentes) e a alemã (cervejas, salsichas e joelho de porco).

E, aproveitando que estamos falando sobre comida, não podemos deixar de lado o Pastelão do Maluf com seus pastéis de 32cm de muito recheio. É de dar água na boca!

Venha visitar Campos do Jordão com a Fully Viagens

E aí, deu vontade de fazer uma excursão por Campos do Jordão? São muitos atrativos, mas é possível explorar muitas coisas nessa aconchegante cidade em pouco tempo.

A Fully Viagens te acompanha nessa viagem incrível e com excelente custo-benefício com nosso pacote de viagem para Campos do Jordão ou para um fim de semana completo. Acesse e confira!

Se você quer viver uma experiência única a menos de 200 km de distância, uma excursão para Campos do Jordão é a solução.

Nós já apresentamos todas as curiosidades encantadoras de Campos e você com certeza já se apaixonou pela cidade, não é mesmo?!

Hoje nós vamos te mostrar o porque você deve aproveitar o final de semana em Campos do Jordão. Vamos conferir?

Coisas para fazer em Campos do Jordão

Campos do Jordão é uma linda cidade recheada de pontos turísticos. Logo, quando fazemos uma viagem bate e volta para lá, curtir de verdade a cidade pode ser um passeio um pouquinho corrido.

Listamos as principais coisas para fazer em Campos do Jordão em um final de semana para aproveitar tudo o que temos direito. Olha só:

A vida noturna para todos os públicos

Muitas vezes Campos do Jordão foi taxada como uma cidade extremamente romântica, perfeita para casais.

E realmente é, pois possui inúmeras paisagens que lembram as cidadezinhas europeias, cheias de charme e fofura.

No entanto, a vida noturna de Campos é para todos os públicos. No Capivari, bairro central da cidade, as opções variam e atendem aos mais diversos gostos.

O local conta com diversos barzinhos e restaurantes. Esse acaba sendo o passeio preferido de quem vai a Campos: aproveitar a noite com um belo vinho ou degustando um fondue em meio aos demais visitantes.

Curtir o verdadeiro friozinho de Campos

Campos do Jordão é famosa pelo frio atípico presente em todas as épocas do ano. A cidade, por possuir uma altitude de 1628 metros, apresenta baixas temperaturas. No entanto, esse frio acontece com mais intensidade à noite — principalmente quando não estamos no verdadeiro inverno.

Portanto, quando passamos o final de semana lá, temos a chance de sentir o verdadeiro frio em Campos do Jordão.

Fábricas de chocolate: as delícias de Campos

Outra característica marcante de Campos do Jordão são as fábricas de chocolate. A precinhos incríveis, as variedades lá existentes permitem voltarmos com as malas literalmente recheadas de doces.

Para isso, é legal reservar um tempinho que seja suficiente para visitar todas as opções — Loja da Spinassi, Araucária e Cacau Show são alguns dos destaques incríveis.

Teleférico do Morro do Elefante

Por fim, temos o teleférico do Morro do Elefante. Nós já falamos um pouquinho sobre esse lugar incrível em nossas “Dicas para aproveitar Campos do Jordão”, porém ele merece destaque.

A visão incrível do lugar é parada obrigatória e inesquecível de cada visitante da cidade. Portanto, reserve um tempinho para esse passeio também.

Final de semana em Campos do Jordão com a Fully Viagens

A Suíça Brasileira pede uma ida com tranquilidade para conhecer cada lugarzinho incrível que ela nos reserva.

Portanto, um pacote para Campos do Jordão no final de semana é a melhor forma de conhecer tudo de lindo dessa charmosa cidade.

25 quilômetros de espetáculo natural: é o que a ilha mais famosa do Brasil nos reserva. Localizada no município de Paranaguá, a Ilha do Mel é um dos destinos favoritos dos amantes da natureza.

Sua história e preservação agradam os ouvidos de quem se encanta facilmente com as dádivas do meio ambiente. Um passeio que garante aventura e sossego simultâneos — poderosas fontes de energia para o corpo e a mente.

Se você sabe muito pouco ou nada sobre esse destino incrível, calma! A Fully vai te apresentar* as curiosidades e tudo o que você precisa saber sobre a Ilha do Mel. Confira!

*Alerta: risco de querer arrumar as malas terminando essa leitura.

Ilha do mel: estrutura de preservação

A Ilha do Mel é bastante conhecida pela sua alta preservação ambiental. Isso porque somente 10% de seu território está disponível para visitação do público. O restante é todo preservado visando a manutenção do território.

O máximo de visitantes por dia é de 5 mil pessoas, exatamente pelo intuito de proteção ao local. Para chegar até lá, é feita uma travessia de meia hora, saindo de Pontal do Sul.

Localizada a 120 km de Curitiba, a ilha passa por constantes melhorias em toda a sua estrutura. Como as paisagens exóticas e rústicas passaram a atrair mais e mais visitantes, a infraestrutura começou a se voltar para o turismo.

Consequentemente, a qualidade dos serviços ali oferecidos também evoluíram. Logo, restaurantes e pousadas aprimoraram de acordo com a alta demanda.

A divisão em vilarejos

A ilha é basicamente dividida em 5 vilarejos. São eles:

  • Encantadas: localizada no lado sul da ilha, abriga o maior patrimônio cultural de Ilha do Mel — a Gruta das Encantadas. Uma passarela leva até sua entrada, proporcionando um ar ainda mais especial. A noite a diversão é garantida por forrós e bares.
  • Farol: o Farol das Conchas está localizado no alto do Morro da Concha. Dali, é possível avistar quase toda a extensão da Ilha do Mel. A região é pouquíssima habitada, por tanto é um lugar bastante tranquilo, adorado pelos surfistas para excelentes ondas.
  • Brasília: aqui temos uma das principais vilas da Ilha. O local é todo destinado aos turistas, pois conta com pousadas incríveis e restaurantes deliciosos, além de uma vida noturna mais agitada. Além disso, é por ali que seguimos rumo ao Farol e à Fortaleza.
  • Praia Grande: se o Farol já tem uma população bem pequenina, espante-se em saber que a da região de Praia Grande é menor ainda. Consequentemente, sua infraestrutura é menos desenvolvida — mas ainda assim conta com pousadas, bares e restaurantes. Aqui é um dos melhores locais para surfe, com uma grande extensão de praia.
  • Fortaleza: a Fortaleza de Nossa Sra. dos Prazeres leva esse nome pois seu complexo é formado pelo Forte de N. S. dos Prazeres. Ela é dividida em Fortaleza Norte e Fortaleza Sul, com uma população pequena e poucos atrativos no quesito comercial. No entanto, ela está bem próxima a Baía dos Golfinhos, repleta de cardumes de botos.

Dicas de viagem: Ilha do Mel

Como mencionamos, a Ilha do Mel é bastante preservada e o plano é que siga assim. Portanto, nem sempre você vai encontrar tudo o que pode vir a precisar. Então anote dicas importantes que você precisará em sua viagem à Ilha do Mel.

Em primeiro lugar, leve remédios para casos aos quais já está acostumado. Não há farmácias na Ilha do Mel!

Dinheiro em espécie também é importante, pois a cidade não conta com infraestrutura de bancos ou caixas eletrônicos.

Por fim, lembre-se sempre de respeitar a natureza em todos os aspectos. Portanto, recolha seu lixo, não alimente os animais, não desperdice água. Além disso, respeite o mar. Tome cuidado com as correntezas e com os locais que apresentam mais rochas e pedras.

No mais, essa é uma trip bem tranquila e, como mencionamos no começo, propícia para curtir ao máximo o contato com a natureza.

Mais um destino para adicionar à sua lista de desejos

Deu para sentir um pouquinho do que a Ilha do Mel reserva para seus turistas, né?! Esse é, com certeza, mais um destino para adicionar à sua lista de desejos.

Acesse o site da Fully Viagens e confira as próximas saídas para a Ilha. Vem com a Fully!

Uma cidadezinha rica em história e cultura, localizada a apenas 1h20m de São Paulo. Cheia de charme para esbanjar: São Roque está na lista de cidades que você precisa conhecer.  Em meios às principais atrações da cidade, você encontrará sossego e o aconchego de um ambiente bastante familiar.

Além disso, a cidade é basicamente coberta pela Mata Atlântica — cerca de 40% do território tem a ecologia da floresta. Por conta disso, em 1990 o município foi elevado à condição de Estância Turística.

Logo, o turismo da cidade passou a dispor de muito mais conforto para seus visitantes: investimentos em gastronomia, hotéis e recursos capazes de explorar os ambientes ecológicos, culturais e históricos da cidade.

Quer saber um pouquinho mais sobre São Roque, SP? A Fully Viagens separou dicas sobre tudo que você precisa conhecer na cidade do vinho e como aproveitar seu bate-volta. Confira!

Ski Mountain Park

Se o quesito é diversão, nós temos que concordar que não há idade para isso! E é exatamente essa a proposta do Ski Mountain Park.

Localizado em meio a montanhas e envolto pelas matas da floresta, o parque oferece inúmeras atividades de lazer para todo o tipo de público. Arvorismo, pista de ski e snowboard, pista de patinação, tobogã, trilha de escalada e muito mais!

São diversas atividades ao ar livre e em contato com a natureza, a fim de  garantir entretenimento e muita diversão para todos.

São Roque — a Cidade do Vinho

Como mencionamos, São Roque é nacionalmente conhecida como “Terra do Vinho”, desde a chegada dos imigrantes italianos e portugueses no século 19.

Para fazer jus ao nome, a Estrada do Vinho nos presenteia com inúmeras vinícolas. Dentre as presentes no local, a Vinícola Goes é uma das mais procuradas pelos turistas. Isso porque ela tem uma visita guiada pela fábrica e pelos parreirais, além da degustação de vinhos e das lojinhas de queijos e cachaças, bem como bares e restaurantes no espaço.

Além da Vinícola do Goes, a Vinícola da Quinta do Olivardo também está nas opções de passeio em São Roque. oferece opções gastronômicas portuguesas para os visitantes, aliada à uma vista incrível para o vale.

Um dia inteiro em São Roque com a Fully Viagens

Agora que sua curiosidade já está desperta, a Fully Viagens tem um pacote para São Roque incrível. Clique aqui para conferir e conhecer a Terra do Vinho — você não vai se arrepender!

Sinônimo de luxo, Balneário Camboriú é uma cidade que atrai jovens que adoram badalação e praias, mas também é perfeita para passeios em família, devido às inúmeras atrações oferecidas para adultos, crianças e até bebês.

Vamos saber um pouquinho mais sobre os principais e imperdíveis pontos turísticos de Balneário Camboriú? Confira as dicas da Fully Viagens:

Parque Unipraias

Um parque natural cercado de diversão, o Unipraias conta com diversas atrações como: Bondinho, que liga o Sul do Balneário Camboriú até a Praia de Laranjeiras, a Fantástica Floresta – uma área temática com trilhas lúdicas, vilarejo dos duendes e uma locomotiva que faz um trajeto encantado de aproximadamente 400 metros -, ZipRider – uma tirolesa de descida alucinante de 750 metros em meio à Mata Atlântica – e o Youhoo, um trenó de montanha cheio de adrenalina.

Cristo Luz

O monumento de 33 metros de altura fica em um mirante com vista panorâmica e imperdível – tanto de dia quanto à noite. O local também oferece diversos restaurantes e lojas.

Orla

Com uma curta faixa de areia branquinha, o Balneário é cercado por luxuosos arranha-céus famosos por serem os prédios mais altos do Brasil. Seu calçadão conta com ciclovia, quiosques, restaurantes, bares, equipamentos esportivos e serviços de aluguel de cadeiras e guarda-sol.

Restaurantes

A cidade possui diversos tipos de restaurantes, desde os mais simples até os mais sofisticados. O forte são os frutos do mar, mas encontramos todo tipo de gastronomia como japonesa, alemã, francesa, contemporânea, etc. Eles estão por toda a cidade, mas a grande maioria está à beira mar, o que deixa sua experiência gastronômica ainda melhor.

Por essas e outras o Balneário Camboriú é uma das praias mais visitadas do sul do país. Você morre de vontade de conhecer algumas das mais belas praias da região Sul do país, mas não sabe como? Aposte em uma excursão de ônibus para Balneário Camboriú!

A cidade está a cerca de 620 km de distância de São Paulo de ônibus, esse trajeto é feito em aproximadamente 10 horas. A viagem de ônibus pode ser uma ótima opção para quem quer economizar e não se preocupar com trânsito.

Isso porque, além de embarcar à noite (o que é uma ótima oportunidade para descansar antes de chegar ao seu destino), algumas agências também oferecem serviço de bordo, que é oferecido durante o trajeto.

Na Fully Viagens você encontra pacotes para Balneário Camboriú com os melhores preços. Confira!